Centro de Medicina Psicossomática e Psicologia Médica
Hospital Geral da Santa Casa de Misericórdia do Rio de Janeiro

 

Negação
 

Definição
Mecanismo de defesa descrito por Freud para descrever o processo mental através do qual uma pessoa se recusa a perceber aspectos desagradáveis da realidade interna ou externa negando a existência deles.

,Histórico
O termo verneinung empregado por Freud e traduzido por negação, às vezes por denegação, apresenta um duplo sentido:
a) a negação lógica e gramatical de algo (“eu não tenho medo”, “eu não quero...” etc.);
b) a negação psicológica de algo que acabou de ser dito ou que foi atribuído à pessoa (“eu não disse isso”, “eu não pensei aquilo” etc.).
O tema foi amplamente desenvolvido no artigo A Negação (Edição Standard da Obra Psicológica Completa de Sigmund Freud, vol. XIX; Ed. Imago, R.J.).

Clínica
Na clínica, o uso deste mecanismo em resposta a algo dito pelo terapeuta tem o valor de confirmar o que acabou de ser dito e está sendo negado pelo paciente.
“A negação é um meio de se tomar consciência do reprimido”; ”Por meio do símbolo da negação [não] o pensamento liberta-se das limitações da repressão” (A Negação, idem, vol. XIX).
Um exemplo clínico é o fato do do paciente,
ao mesmo tempo, expressar algum desejo reprimido e dele se defende negando que lhe pertença.

retorna